soldado-do-gao-e-assassinado-na-grande-vitoria

O soldado da PM Andre Monteiro dos Santos foi assassinado ao tentar evitar um assalto. Foi mais uma vítima da violência gerada pela falta de investimento e valorização das policiais por parte do Governo do Espírito Santo.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, na noite da última quarta-feira (15/02), o Sd Monteiro, que integrava o GAO 6° BPM, ao sair da academia, tentou impedir um roubo, mas não teve sucesso na abordagem e foi ferido gravemente pelo suspeito, que fugiu após o cometimento do crime. Infelizmente, Sd Monteiro não resistiu aos ferimentos.

Assim como o investigador da Divisão de Homicídio (DHPP) Marcelinho, morto na semana passada ao tentar evitar um assalto, O Sd Monteiro agiu como um grande herói, pois entregou a própria vida em defesa de desconhecidos, motivado pelo sentimento do dever e cumprindo com o seu juramento, atuando em comprometimento integral e dedicação exclusiva, 24 horas, na defesa de toda população.

O velório ocorrerá a partir das 8h na Igreja Assembleia de Deus, no bairro Jardim Bela Vista, Serra.

O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo lamenta a perda do policial militar e deseja força aos familiares. É mais um cidadão, profissional, funcionário público, policial vítima da violência gerada pela omissão do poder público que não entende segurança pública como prioridade.

 

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS!!!