08-de-marco-dia-internacional-da-forca-feminina

Neste dia tão especial e importante, o Sindipol/ES não poderia deixar de parabenizar as mulheres que trabalham na Polícia Civil do Espírito Santo para garantir os direitos e a segurança de toda população capixaba, principalmente o público feminino.

Na Polícia Civil capixaba elas estão em todos os cargos, dando um toque especial no sistema de segurança pública do Espírito Santo e comprovando diariamente a capacidade das mulheres na luta por igualdade em um país que ainda é machista e preconceituoso. E, talvez, nunca a presença delas foi tão importante como agora. Só no carnaval, a Polícia registrou 170 casos de violência contra as mulheres. O Estado é pioneiro em ter uma delegacia especializada em morte de mulheres, (DHPM), já que o Espírito Santo registra muitos casos de feminicídio.

Nesta sexta-feira (08), é comemorado o Dia Internacional das Mulheres. Data que simboliza em todo o mundo a importância e o reconhecimento das suas conquistas sociais, políticas e culturais. Este dia também é uma oportunidade de chamar atenção para a luta das mulheres por igualdade de direitos e de condições em relação aos homens.

O Dia Internacional de celebração da mulher (8 de março) foi decretado em 1975, pela Organização das Nações Unidas (ONU) durante uma conferência. A escolha deste dia é em homenagem às operárias de uma fábrica de tecidos, na cidade de Nova York, que morreram carbonizadas após reivindicarem redução na carga horária de trabalho, igualdade de salário com os homens e tratamento digno no ambiente de trabalho.

“Seja como Investigadora, Agente de polícia, Delegada ou em outras funções exercidas na Polícia Civil, as mulheres são profissionais corajosas que se dedicam todos dias ao trabalho exaustivo na defesa da população capixaba, mesmo sobrecarregadas pela defasagem no quadro operacional da PC/ES e sem estrutura, reflexo da falta de investimentos na Polícia Civil. São verdadeiras guerreiras no campo profissional, na sociedade e no lar”, disse o presidente do Sindipol/ES, Jorge Emílio Leal.

Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES
Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES

O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo parabeniza todas as mulheres, em especial, as guerreiras da PC/ES sindicalizadas e pensionistas, pela sua força, determinação, inteligência e coragem. O Sindipol/ES continua lutando pela valorização, reconhecimento e melhores condições de trabalho para todos os policiais civis capixabas e pela melhor prestação de serviço da PC/ES aos cidadãos do estado.

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS