diretoria-acompanha-a-visita-da-comissao-de-seguranca-no-dml-de-vitoria

Na manhã desta sexta-feira (15), a Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) realizou uma visita técnica no Departamento Médico Legal de Vitória. A visita aconteceu após uma denúncia de irregularidades no local feita pelo Sindipol/ES.

O presidente Jorge Emílio Leal, o vice Humberto Mileip, o diretor financeiro Aloísio Fajardo e o diretor dos aposentados e pensionistas do Sindipol/ES, Edmar Nunes, acompanharam o deputado estadual e presidente da Comissão, Danilo Bahiense, durante a visita.

“A situação é caótica. Existe risco para todo mundo, para o cidadão e para o próprio policial civil”, pontuou o presidente do Sindipol/ES.

O diretor financeiro, Aloísio Fajardo, acredita que a visita técnica foi um avanço.

“Eu gostaria de agradecer ao dr. Danilo Bahiense pela atenção e comprometimento com categoria e os policiais civis do DML de Vitória. Nós estivemos lá hoje e constatamos mais uma vez a situação crítica da unidade e um levantamento das irregularidades será encaminhado à Comissão de Segurança para que essa situação seja sanada”, disse Aloísio Fajardo, diretor financeiro do Sindipol/ES.

Ainda estiveram presentes na visita técnica o chefe do DML de Vitória, Wanderson Lugão, o Superintendente da Polícia Técnico-Científica, Renato Koscky, o advogado membro da OAB e assessor do deputado Danilo Bahiense, André Cunha.

INSPEÇÃO SINDICAL SURPRESA

Nas últimas semanas, a situação do Departamento Médico Legal de Vitória voltou aos noticiários. Praticamente todos os veículos de comunicação do estado noticiaram as péssimas condições do DML após o Sindipol/ES realizar uma inspeção e encontrar uma série de problemas.

Geladeiras para guardar corpos lotadas e funcionando com “gambiarras”, ventilador consertado depois de uma “vaquinha” feita pelas policiais, risco de incêndio e de contaminação e outros problemas. Esse foi o estado que a diretoria encontrou no DML de Vitória. Acesse a matéria.

Após a inspeção e a repercussão das péssimas condições do Departamento, para a surpresa do Sindicato, em pleno final de semana, os policiais civis que trabalham no DML tiveram que ir à Corregedoria dar explicações. Veja.

Além da situação crítica, Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES ainda ressaltou até o risco da fuga de criminosos do DML.

“A situação do Departamento Legal de Vitória é bem parecida com a de outras unidades policiais do Espírito Santo com o risco até de fuga dos criminosos. Devido a falta de investimentos e de políticas estruturantes para a Polícia Civil, principalmente na gestão do governador Paulo Hartung, vimos a instituição se deteriorando. Não foi por falta de aviso”, finalizou o presidente do Sindipol/ES.

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS