urgente-aposentados-e-pensionistas-da-pces-podem-ter-o-pagamento-suspenso

O Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol/ES) entrou em contato com a diretoria do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Espírito Santo (IPAJM) e treinou uma equipe para ajudar os sindicalizados que não fizeram o recadastramento obrigatório junto ao Instituto de Previdência.

Na última quarta-feira (22), o IPAJM divulgou uma lista com mais de 5 mil aposentados e pensionistas que ainda não fizeram o recadastramento ou realizaram apenas uma das duas etapas.  Quem não realizar poderá ter o benefício suspenso a partir do dia 01 de junho. O Sindipol/ES ainda alerta, que esta etapa, é obrigatória e relativa aos nomes que começam da letra A a I e deve ser feita até o dia 31 de maio.

Funcionárias do Sindipol/ES são orientadas no IPAJM.

Funcionárias do Sindipol/ES são orientadas no IPAJM.

Confira as listas:

1. Beneficiários que não fizeram a prova de vida

2. Beneficiários que não fizeram a atualização dos dados

3. Beneficiários que não realizaram nenhuma das duas etapas

Preocupada com a situação dos policiais civis aposentados e dos pensionistas, a diretoria do Sindipol/ES se reuniu com presidente do IPAJM, José Elias do Nascimento Marçal, e o Instituto de Previdência do estado treinou funcionários do Sindipol/ES, que já estão levantando o número de sindicalizados que ainda não fizeram o recadastramento.

REUNIAO IPAJM
Diretores do Sindipol/ES reunidos com presidente do IPAJM

 

“Estamos fazendo contato com os sindicalizados que ainda não fizeram, orientando o procedimento correto e até fazendo o recadastramento de alguns. A consequência será o cancelamento do benefício e não vai faltar empenho da nossa diretoria para ajudar”, disse Jorge Emílio Leal, ´presidente do Sindipol/ES.

Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES
Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES

O recadastramento pode ser feito em duas fases. Cerca de 5 mil pessoas precisam fazer uma ou ambas as etapas do recadastramento até o próximo dia 31 para não ter o benefício suspenso a partir de 1 de junho/2019.

Etapas:

A primeira etapa é a prova de vida. O aposentado ou pensionista deve ir em qualquer agência do Banestes com documento de identificação com foto e o número funcional. A outra etapa é a atualização dos dados cadastrais online na página do Instituto.

O policial civil ou pensionista da PC/ES sindicalizado sem acesso a internet e com dificuldade para fazer o recadastramento do IPAJM pode procurar a sede Administrativa do Sindipol/ES, das 09:00 às 17:00 ou entrar em contato pelo número 27 3323-1658 ou 27 3323-1844.

Sabendo da importância do recadastramento para os aposentados e pensionistas, desde 2015 o Sindipol/ES envia ofícios e pede autorização ao IPAJM, assim como fez com o Sindifiscal, para fazer o recadastramento online dos sindicalizados.

“Conseguir que a nossa equipe fosse treinada para ajudar no recadastramento dos nossos sindicalizados é uma vitória. Vamos proporcionar mais agilidade, conforto e praticidade para nosso policial civil sindicalizado fazer o recadastramento no IPAJM”, finalizou Jorge Emilio Leal, presidente do Sindipol/ES.

 

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS