sindipoles-marca-presenca-em-forum-sobre-violencia-contra-criancas-e-mulheres

A escrivã aposentada e diretora do Sindipol/ES, Maria de Fátima Coelho, representou toda diretoria no 2º Fórum Legislativo de Guarapari, onde o tema debatido foi “Instrumentos e combate a violência contra crianças e mulheres”.

O evento organizado pela Câmara Municipal de Guarapari aconteceu no plenário Ewerson de Abreu Sodré, no dia 31 de outubro. Além de Maria de Fátima, outro policial civil participou do Fórum, o deputado estadual e delegado Lorenzo Pazolini, que palestrou sobre a exploração sexual de crianças e adolescentes. Além de Pazolini, o Fórum contou também com as palestras da Promotora de Justiça Cláudia Garcia e da deputada estadual Janete de Sá.

O Sindipol/ES agradece a oportunidade de participar do Fórum Legislativo e parabeniza os vereadores de Guarapari pela iniciativa. A diretoria tem certeza de que não poderia ter sido melhor representada. A escrivã e diretora Maria de Fátima é uma lenda viva da Polícia Civil do Espírito Santo.  

Fátima completacbb0adf-82bd-46d2-b211-5cc80569e644ou 64 anos em 2019. É uma guerreira que marcou época no combate à criminalidade no Espírito Santo. Entre vários casos, Fátima foi a única mulher presente no grupo de policiais que prendeu Edmilson Cândido do Rosário, na época, o criminoso mais procurado do Espírito Santo. Querida e respeitada na Polícia Civil, a escrivã Maria de Fátima Coelho se aposentou depois de 35 anos e oito meses defendendo a população capixaba.

 

O departamento de Comunicação do Sindipol/ES já contou parte da história da policial civil no site do sindicato. Veja aqui.

A diretoria do Sindicato dos policiais civis do Espírito Santo não se cansa de reiterar que a trajetória da escrivã é uma inspiração para todos.

 

“FORÇA, UNIÃO E LUTA”