sindipoles-firma-parceria-com-sesisenai

A diretoria do Sindipol/ES conseguiu descontos para os policiais civis e seus dependentes no pagamento das mensalidades nas Unidades de Ensino do Sesi/Senai. São oportunidades de estudo de Norte a Sul do Espírito Santo.

Para ter acesso aos descontos de 20% dessa parceria do Sindicato com o Sesi/Senai, o policial civil deve entrar em contato com a sede administrativa. O telefone é o (27) 3223-1844. Além do telefone fixo, a diretoria também disponibilizou um telefone celular. O número é (27) 99501-1844. 

É importante destacar que as vagas em questão são para o ensino fundamental e médio, e para se beneficiar da parceria é preciso ter vagas disponíveis nas Unidades de Ensino escolhidas pelos policiais. Os policiais ou seus dependentes que já estudam no Sesi e Senai também terão desconto nas mensalidades.

Saiba mais sobre o Sesi e Senai

Referência quando o assunto é educação – o Sesi é a maior rede de ensino privado do estado, e coleciona premiações e metodologias pedagógicas diferenciadas. O Sesi tem Ensino Bilíngue, Programa Maker, Robótica, Empreendedorismo, Programa de Pró e Profissional e Emocional e já atua com o Novo Ensino Médio.  Conheça aqui as unidades.

O Senai é o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial e oferece cursos técnicos, qualificação profissional, serviços para empresas, inovação e tecnologia. Na última pesquisa de acompanhamento de egressos realizada pela instituição, 95% das empresas contratantes declararam que preferem trabalhadores formados pelo Senai-ES. Saiba quais são os cursos e onde ficam as unidades aqui.  

“Essa parceria vai proporcionar aos nossos policias e seus dependentes a oportunidade de estudar nas melhores escolas do estado do Espírito Santo. Essa parceria já existe com o Corpo de Bombeiros e com a Polícia Militar. Agora, os policiais civis estão nesse grupo. A diretoria do Sindipol/ES entende a necessidade de se valorizar os operadores da segurança pública, por isso, trabalha para firmar novas parcerias para seus sindicalizados”, finalizou Aloísio Fajardo, presidente do Sindipol/ES.   

FORÇA, UNIÃO E LUTA