O pedido foi feito pelo Sindicato dos Policiais Civis (Sindipol/ES) durante reunião com a secretária de Estado de Governo Ângela Silvares. Silvares disse que o Governo está aberto ao diálogo, que poderia atender alguns pedidos da categoria e falou que a promoção dos policiais seria o primeiro.

A secretária de Estado cumpriu o que prometeu. A promoção dos 32 policiais, 29 investigadores, dois peritos papiloscópicos e um perito criminal, foi publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (10). Mas o Sindipol/ES lembra que a pauta de reivindicações da categoria é extensa, já que a Polícia e o policial civil há anos sofrem com a política de desvalorização que compromete o serviço prestado à sociedade.

O encontro do Sindipol/ES com a secretária de Estado de Governo Ângela Silvares foi horas antes da Assembleia Geral que reuniu centenas de policiais Civis na Chefatura de Polícia. Os policiais civis não entraram em greve imediatamente por respeito à população do Espírito Santo, mas decidiram dar o prazo de 14 dias para o Governador Paulo Hartung atender as reivindicações antes de paralisarem suas atividades.

“É realmente importante manter o diálogo. Espero que nos próximos 14 dias o Governo Estadual reveja sua conduta perante o servidor público do estado. A população precisa saber que essa crise na segurança pública é o resultado de uma política de massacre aos policiais capixabas”, explicou Jorge Emílio Leal, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo.

O Sindipol/ES parabeniza os policiais que receberam a promoção mais do que justa e reafirma seu compromisso de lutar por uma Polícia civil mais justa e eficaz no Espírito Santo.

 

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS!!!

COMUNICADO

Governo anuncia pagamento dos servidores para o dia 24/02 (sexta - feira)

 

CONVÊNIOS

 

Rua Alberto do Oliveira Santos, nº 42, Ed. Ames, Salas 1805 a 1809, Centro Vitória, ES. CEP 29010-901. Tel. (27) 3223-1844