SINDIPOL PARTICIPA DO CONSELHO DE POLÍCIA

O Sindicato dos Policiais Civis ficou seis anos afastado do colegiado e impedido de participar de importantes decisões para toda categoria. O retorno aconteceu em 2019. Com isso, o Sindipol passou a ter direito de voz e voto nas reuniões do Colegiado.

Uma vitória para os policiais civis do Espírito Santo, segundo presidente Aloísio Fajardo.

“É, de fato, uma grande conquista. Agora, temos como saber e participar das decisões que afetam todos os profissionais da Polícia Civil capixaba”, explicou.

Na primeira reunião do Conselho em 2022, o diretor Humberto Mileip participou dos julgamentos de PADS. Mileip explicou que o Sindicato não está no Conselho para “passar a mão” na cabeça de ninguém.

“Isso é importante destacar. Nos julgamentos, estamos na posição de Conselheiro para verificar possíveis irregularidades. Lembrando que, no caso dos PADS, quem faz a defesa do policial civil são os advogados do Sindipol/ES”, pontuou.

A diretoria do Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo segue firme no Conselho de Polícia e acompanhando de perto todas as movimentações que envolvem a categoria no estado.

“Temos uma enorme responsabilidade, já que lutamos muito para ocupar novamente uma cadeira no Conselho de Polícia. Nossos amigos policiais podem ter certeza que sempre buscamos o melhor pra nossa categoria”, finalizou Humberto Mileip, diretor do Sindipol/ES.

FORÇA, UNIÃO E LUTA