apos-denuncia-do-sindipoles-comissao-de-seguranca-da-ales-ira-ao-dml-de-vitoria

Depois que o Sindicato dos Policiais Civis fez uma inspeção surpresa e denunciou uma série de irregularidades no Departamento Médico Legal de Vitória, a Comissão de Segurança prometeu fazer uma visita técnica na unidade ainda esta semana.

Na última segunda-feira (11), a diretoria do Sindipol/ES acompanhou a reunião da Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa, expôs e pediu que os parlamentares acompanhassem a situação do Departamento Médico Legal de Vitória. A resposta foi rápida. O presidente da Comissão, o delegado Danilo Bahiense, agendou uma visita técnica para a próxima sexta-feira (15).

O Sindipol/ES acredita que esse é começo para que a situação mude na unidade e os policiais civis tenham estrutura e condições dignas de trabalho. O diretor financeiro do sindicato, Aloísio Fajardo, esteve presente na reunião da Comissão e falou que Bahiense conhece bem a realidade do DML.

Aloísio
Aloísio Fajardo, diretor financeiro do Sindipol/ES

“Ele já foi responsável pela Superintendência de Polícia Técnico-Científica e conhece a situação do DML. O fato é que as coisas só pioraram nos últimos anos e agora está insustentável para os policiais civis. Não podemos permitir que nossos guerreiros continuem arriscando a saúde em um local insalubre como aquele”, disse Aloísio.

INSPEÇÃO SINDICAL

Geladeiras para guardar corpos lotadas e funcionando com “gambiarras”, ventilador consertado depois de uma “vaquinha” feita pelas policiais, risco de incêndio e de contaminação e outros problemas. Foi isso o que o Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo encontrou no DML de Vitória.

“Nossas inspeções são rotineiras e já mostraram para todos os capixabas como a Polícia Civil está sucateada. A situação do DML de Vitória reflete outras unidades policiais. Os policiais civis estão com a saúde comprometida e arriscando as próprias vidas trabalhando em locais sem um mínimo de estrutura possível. Esperamos mudanças”, frisou Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES.

O presidente do Sindipol/ES lembrou que existe até o risco de fuga de presos no DML de Vitória e que, após a denúncia do sindicato, que virou notícia em praticamente todos os veículos de comunicação do Estado, os policiais que trabalham no DML foram intimados pela Corregedoria em pleno sábado.

Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES
Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES

“A situação do DML é bem parecida com a de outras unidades policiais do Espírito Santo. Devido a falta de investimentos e de políticas estruturantes para a Polícia Civil, principalmente na gestão do governador Paulo Hartung, vimos a instituição se deteriorando. Não foi por falta de aviso”, finalizou o presidente do Sindipol/ES.

O Sindipol/ES irá ao DML de Vitória acompanhar a visita técnica da Comissão de Segurança na próxima sexta-feira (15).

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS!!!