inspecao-sindical-na-delegacia-de-policia-de-pedro-canario

O vice-presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol/ES), Humberto Mileip, inspecionou a unidade de Polícia de Pedro Canário na última terça-feira (10). Na ocasião, encontrou um cenário estrutural um pouco diferente, mas que não se distancia da realidade encontrada nas outras delegacias. Faltam policiais civis para trabalhar.

A DP de Pedro Canário é recém-inaugurada e conta com rampa de acesso para cadeirantes, banheiros adaptados e calçada cidadã. 

A unidade também possui duas recepções, uma para atendimento e outra para recepção dos conduzidos, cozinha, espaço para almoxarifado, banheiros adaptados, sala para o delegado e sala para investigação.

Além disso, há quatro viaturas disponíveis para atender as ocorrências, mas só uma funciona em perfeito estado, as outras três vivem quebradas.

“A delegacia possui uma boa estrutura, mas o efetivo da unidade deixa muito a desejar”, disse, o vice-presidente do Sindipol/ES, Humberto Mileip.

O quadro operacional da unidade não corresponde ao necessário e, hoje, a delegacia conta com cinco policiais sendo um delegado, um agente, um escrivão e dois investigadores.

Um número que se comparado com a população de 25.700 habitantes do município é totalmente inferior, pois, são 5.140 habitantes para cada policial da unidade.

“A Organização das Nações Unidas (ONU) recomenda um efetivo de um policial para a cada 450 habitantes, ou seja, a situação da unidade, assim como das outras delegacias do Estado não corresponde ao efetivo necessário o que sobrecarrega os policiais. Uma situação lamentável”, concluiu o vice-presidente.

Outro problema da unidade é a rotatividade dos policiais que dificulta os trabalhos e as investigações dos quase 400 inquéritos que são abertos durante o mês.

“Fornecer ao policial um local de trabalho e atendimento a população adequado é só o primeiro passo, pois, é inadmissível encontrar uma unidade com as condições físicas precárias. Agora é necessário investir na segurança e recompor o efetivo da PC/ES que está em 60% de defasagem. Parabéns aos nossos guerreiros de Pedro Canário que mesmo sobrecarregados se desdobram todos os dias para realizar um bom serviço para a população”, disse, Jorge Emílio Leal, presidente do Sindipol/ES.

Veja as fotos

JUNTOS SOMOS FORTES, UNIDOS SOMOS IMBATÍVEIS